segunda-feira, 12 de abril de 2010

Lá em Marte?


O mundo no qual eu acredito, deve existir em algum lugar. Nem que seja só dentro de mim. E nele teria um céu empoeirado de estrelas, o som das ondas do mar, balões coloridos, girassóis, bolhas de sabão, um gramado verde, um jardim colorido, um vento na face, um grande amigo.E também viveria somente quem me desse um "Boa Noite Amor" com essência de Baunilha.

.
.
.
.
.





Os cílios agarraram-se às pálpebras quando tentei fechar meus olhos. Mas você assoprou e todos voaram. De novo nasceram e de novo voaram. Não faça mais isso! Quem vai cortar a lágrima em fatias no dia em que você for embora? (Rita Apoena)

6 comentários:

  1. Amor a diuas?
    Interessa é ser amor!!!

    ResponderExcluir
  2. Qro um mundo assim tbm, vc me vende um desses?! me dá um desses? posso roubá-lo de vc e sair correndo, posso correr sem olhar para trás, não terá pessoas chatas me enxendo o saco? não terá gente feia pagando de maravilhosas? não terá dinheiro viveremos bem sem ganância. Qro fugir mas naum sei pra onde, qro correr mas num tem cmo, qro sair na chuva e dançar, qro correr pelado no meio da rua, qro gritar um belo "foda-se" pra lei, qro viver, "existir é simples, viver é uma dádiva..." a maioria das pessoas apenas existe, assim é fácil, eh pouco, eh um nada sem chão.
    Qro rir dos meus problemas sabendo q eles sempre vão estar ali, qro conquistar o mundo, saber voar, e qdo estiver la em cima gritar muito alto: "EU SOU FODA".
    Forte.

    ResponderExcluir

Antes de sair de Marte, tente uma comunicação!

Moon of the Day